Programa 65: Conheça os requisitos do programa de arrendamento jovem. Inscrições abertas até às 18 horas do dia 18 de maio

Quando se está em início de carreira todas as opções são válidas. Procurar melhores condições de trabalho e saltar entre empregos é comum; as experiências profissionais no estrangeiro são desejadas. Portanto, para quê criar raízes comprando uma casa se o amanhã o pode levar para longe? Truz, truz, é o Porta 65 a chegar.

Publicado por Finanças | 0
Programa 65: Conheça os requisitos do programa de arrendamento jovem

O que é o Programa Porta 65?

Desde 2012 que o Programa Porta 65 está ativo. Este ano abriu a 17 de abril a 1.ª edição do ano e vai receber inscrições até 18 de maio, às 18h, no Portal da Habitação. Mas afinal, o que é o Porta 65? É um programa de apoio financeiro ao arrendamento jovem individual, em agregado ou em coabitação.

Pode candidatar-se?

De ano para ano aumentam os candidatos ao Porta 65. Os requisitos são muitos, porém não dissuadem os jovens de tentar um apoio de 50% sobre o valor da renda. Se deseja tentar a sua sorte, tem de corresponder ao perfil indicado:

1. Ter idade igual ou superior a 18 anos e inferior a 30 anos (no caso de casal, um dos elementos pode ter até 32 anos);

2. Ser titular de um contrato de arrendamento ou contrato-promessa de arrendamento celebrado ao abrigo NRAU (Lei nº. 6/2006, de 27 de fevereiro) ou do regime transitório previsto no seu título II do capítulo I;

3. Residir permanentemente no imóvel arrendado;

4. Ter morada fiscal na casa arrendada (assim como todas as outras pessoas que coabitam consigo);

5. Não ser proprietário/coproprietário ou arrendatário para fins habitacionais de outro imóvel;

6. Não beneficiar de outras formas de apoio público à habitação;

7. Não ter qualquer relação de parentesco com o senhorio;

8. Não auferir rendimento mensal superior a quatro vezes o valor da renda máxima admitida para a zona (total do agregado);

9. Procurar uma casa com renda até ao limite máximo da zona;

10. Não exceder os 60% do rendimento bruto do agregado;

11. Não ultrapassar quatro vezes a Retribuição Mínima Mensal Garantida (RMMG);

12. Arrendar uma casa de tipologia adequada ao número de habitantes da mesma. Poderá ser de tipologia imediatamente superior se algum dos jovens tiver grau de deficiência de 60% ou se a casa tiver alguma divisão sem janela para o exterior.

O apoio concedido vigora por 12 meses, renovável até um limite de 36 meses seguidos ou interpolados. Faça a sua candidatura no Portal da Habitação, submetendo toda a documentação requerida. A senha de acesso é a mesma utilizada no Portal das Finanças.

Felicidades para a casa nova!

COMENTÁRIOS

20185
22701
5
0