Os jogadores portugueses presentes na Champions League

A UEFA Champions League entrou nos quartos-de-final. Já não conta com a presença de equipas portuguesas, depois de Futebol Clube do Porto e Benfica terem sido eliminados, mas ainda há muitos portugueses presentes na competição. Sabe quais são?

Publicado por Finanças | 0
Champions League

Em campo, na Champions League, estão neste momento oito equipas que se preparam para disputar os quartos-de-final. Só em duas das equipas que vão estar em campo é que não há sangue português: Juventus e Leicester. Já Barcelona, Dortmund, Mónaco, Bayern, Real Madrid e Atlético contam como nomes bem conhecidos do futebol português.

Os portugueses em Espanha

O Real Madrid é a equipa que tem mais nomes portugueses. A encabeçar a lista está aquele que já recebeu vários galardões de melhor jogador de futebol do mundo: Cristiano Ronaldo. Veste o equipamento do Real Madrid há oito anos e é um dos atletas mais bem pagos do mundo. Por época, Ronaldo leva para casa cerca de 30 milhões de euros. Isto sem contar com o dinheiro que ganha com a sua imagem ao dar a cara por várias marcas de todo o mundo. Segundo a revista francesa France Football, o jogador português ganhou 87,5 milhões de euros na época 2016/2017, sendo o jogador mais bem pago do mundo.

A jogar ao lado de Cristiano Ronaldo estão também os portugueses Pepe e Fábio Coentrão. Pepe chegou à equipa da capital espanhola há 10 anos, na altura numa transferência do Futebol Clube do Porto que custou 30 milhões de euros. Atualmente, a terminar o contrato, recebe em torno dos 4 milhões de euros. Com menos visibilidade, o português Fábio Coentrão aufere cerca de 4 milhões de euros por época.

Também em Espanha, mas a jogar no rival Barcelona, André Gomes foi contratado pelo clube catalão há um ano e ganha um salário bruto anual de 2,2 milhões de euros.

Na liga Espanhola e também na Champions League, Tiago Mendes joga pelo Atlético de Madrid e tem um salário bruto anual de 1,75 milhões de euros.

Sangue luso em França e na Alemanha

Uma das equipas sensação da Champions League, o Mónaco destaca-se em campo com dois jogadores portugueses: João Moutinho e Bernardo Silva. Treinados também pelo português Leonardo Jardim, têm salários bem diferentes. Enquanto João Moutinho recebe 350 mil euros brutos por mês, sendo o 15º jogador mais bem pago do campeonato francês segundo o jornal francês L’Équipe, Bernando Silva recebe 180 mil euros por mês.

Já na Alemanha, uma das aquisições que marcou o mercado de transferência no final da época passada foi a do jovem jogador português Renato Sanches. Contratado pelo Bayern antes do Europeu de França, onde se destacou em campo, foi ganhar um salário líquido anual de 2 milhões de euros, 33 vezes mais do que ganhava no Benfica.

Também por altura do Europeu de 2016, outro português assinava por um clube alemão. O Borussia Dortmund pagou 12 milhões de euros pelo jogador português Raphael Guerreiro.

Resta saber que portugueses vão estar presentes em campo na final da Champions League que vai ser disputada no Estádio Nacional do País de Gales, em Cardiff, no dia 3 de junho.

TAGS:

COMENTÁRIOS

20185
22701
5
0