Cartão de crédito: 4 itens a considerar antes de ter um

Cartões há muitos; tantos que algum deles deverá ajustar-se ao seu perfil de consumidor. Faça uma análise cuidadosa do mercado e opte por aquele que lhe trouxer mais vantagens.

Publicado por Finanças | 0
Cartão de crédito

Banco

Pode solicitar um cartão de crédito no banco onde já é cliente ou noutro que lhe apresente uma solução mais ajustada ao que pretende. Para fazer a escolha acertada, use simuladores de cartão de crédito onde poderá comparar a taxa de juro anual nominal (TAN), a modalidade de reembolso e a anuidade. Se for no seu banco, provavelmente, será mais fácil e rápido conseguir um cartão de crédito, porque já conhecem o seu histórico.

Juros

O preço de utilizar o dinheiro que não tem.

A entidade emissora do cartão cobra-lhe uma Taxa Anual Efetiva Global (TAEG) caso não pague o valor em dívida ou pague somente o valor mínimo da prestação. O seu contrato pode referir-se a possíveis atualizações de juros pelo banco, no entanto o aumento tem de lhe ser comunicado com 60 dias de antecedência, de modo a que possa avaliar cuidadosamente manter ou não o seu cartão. 

Todos os cartões têm um período de carência em que não são cobrados juros, que vai da data da compra à data de vencimento da fatura do cartão. Esse período de isenção de juros varia entre 30 a 60 dias. Durante esse tempo, terá de liquidar a sua dívida ou ser-lhe-ão cobrados juros. O melhor cartão para si será aquele que lhe der mais tempo para pagar a dívida.

Anuidade

Pela posse e utilização do cartão é-lhe cobrado um custo anual. Os bancos podem cobrar esta comissão segundo o valor que entenderem, mas já são várias as opções de cartões com anuidade gratuita ou que lhe oferecem a primeira anuidade. Negoceie a anuidade com o seu banco.

Limite de Crédito

O empréstimo que o banco lhe concede tem um plafond máximo. Pode fazer a sua proposta de plafond ao banco, contudo, saiba que, esse limite é atribuído depois de analisarem o seu histórico de créditos e os seus rendimentos. Daí que se aprovarem o seu pedido de cartão, o limite de crédito pode ser maior ou menor do que o que solicitou. Aliás, se o histórico de créditos for bom, o banco pode mesmo atribuir-lhe o limite máximo de crédito. Se for muito mais do que precisa, peça para reduzir o limite; se for inferior ao que necessita, pode contactar o banco e requerer uma reavaliação do seu caso. Aos bons pagadores, o banco poderá aumentar-lhes automaticamente o plafond ao longo do tempo. Atenção que se ultrapassar o limite de crédito determinado, o banco pode recusar-lhe o pagamento ou aplicar-lhe uma taxa.

Todos os bancos oferecem mais do que um cartão de crédito. Compare as condições de cada um deles e faça uma escolha consciente, sabendo que, mais do que nunca, terá de ter disciplina no orçamento familiar.

TAGS:

COMENTÁRIOS

20185
22701
5
0