As empresas portuguesas mais importantes no mundo

Certamente que, no seu dia-a-dia, se apercebe facilmente do crescimento da economia mundial. A tecnologia que usamos, a roupa que vestimos e os carros que conduzimos são, muitas vezes, produzidos noutros países. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), em 2016, a economia mundial cresceu 2,2% e, de acordo com o ranking “Global 2000” da revista Forbes, há cinco empresas portuguesas entre as maiores e mais poderosas do mundo.

Publicado por Finanças | 0
As empresas portuguesas mais importantes no mundo

1. EDP

O ranking “Global 2000” reúne vários indicadores, como as receitas e os lucros, e apresenta um retrato à escala mundial, reunindo as duas mil maiores empresas.

A empresa de energia portuguesa é o maior grupo industrial português e o terceiro maior produtor mundial de energia eólica. O seu valor de mercado foi avaliado em 12,6 mil milhões de dólares e é a única empresa portuguesa entre as 500 maiores do mundo.

2. Galp Energia

As atividades desta empresa integrada de energia estão em forte expansão à escala global. Se tem gás natural em sua casa, provavelmente é um dos 600 mil clientes da Galp, neste mercado, uma vez que a empresa é responsável por quase 100% do gás natural importado em Portugal.

3. Jerónimo Martins

Com 13568 milhões de euros de vendas até ao início de 2016 ocupa a posição 1089, a uma curta distância da Galp energia. A dona do Pingo Doce está no 59º lugar no relatório “Global Powers of Retailing 2016” (Poderes Globais do Retalho de 2016).

Se costuma ir ao Pingo Doce, as suas compras são feitas ao segundo maior operador de retalho alimentar nacional.

4. Millennium BCP

O banco fundado em 1985 conta com mais de 5,3 milhões de clientes espalhados pelo mundo e, em 2015, obteve vários reconhecimentos internacionais, sendo, pela segunda vez consecutiva, eleito como Best Private Bank em Portugal pela revista financeira Wealth & Finance International.

5. BPI

O banco liderado por Artur Eduardo Silva é a segunda instituição bancária a representar Portugal no “Global 2000”. O BPI ficou em 1º lugar na Satisfação dos clientes, segundo o Índice Nacional de Satisfação dos Clientes 2016.

Segue-se uma tabela para a sua apreciação.

O ranking da Forbes de 2016 conta com dados de empresas de 63 países, sendo as cotadas norte-americanas e chinesas que lideram a lista com 586 e 249 empresas, respetivamente. Apesar de Portugal não fazer parte da liderança desta lista, a mesma publicação elegeu-o como o 19º país com melhores condições para o desenvolvimento de negócios, em 2017.

COMENTÁRIOS

20185
22701
5
0