Como fazer pagamentos no estrangeiro?

Viajar para o estrangeiro implica planeamento e algumas precauções. Seja em trabalho ou em lazer, deve prevenir-se de situações que podem estragar esse período.

Publicado por Finanças | 0
Como fazer pagamentos no estrangeiro?

Se for para um país da zona euro, então será mais fácil já que conhece a moeda e as regras financeiras das instituições bancárias são comuns. Mas se for para fora da zona Euro, tenha em atenção alguns cuidados. Para já, confirme se os seus cartões bancários (crédito ou débito) são aceites no país de destino.

Pagamentos com cartão de crédito

Está num país fora da zona euro, então, prefira os pagamentos com cartão. As comissões aplicadas a pagamentos com cartões de crédito são inferiores às que paga quando levanta dinheiro. Os cartões de crédito são úteis para pagamentos de valor elevado como sejam os custos com o quarto de hotel, os voos e o aluguer de carro.

Pagamentos com cartão de débito

Se estiver numa zona euro, é fácil o pagamento com cartão de débito. Mas tal como em Portugal, é preciso que o estabelecimento tenha TPA (Terminal de pagamento automático); se estiver fora de uma zona turística pode ser mais difícil. Na utilização do cartão de débito ( e também de crédito) paga a comissão de serviço interbancário (2%), a comissão de serviço internacional (1%) e o imposto do selo.

Pagamentos com dinheiro

De qualquer modo é sempre bom estar preparado com dinheiro local para gastos simples e imediatos que tenha com um táxi a meio da noite, uma garrafa de água, um café ou algo para comer. Se o dinheiro que leva acabar, use o cartão de débito para levantar, mas faça o menor número de levantamentos possíveis por causa das taxas cobradas.

Dicas de segurança

«Mais vale prevenir do que remediar» diz o ditado, portanto «quem vai para o mar, avia-se em terra». A sabedoria popular não se engana ao chamar a atenção para a necessidade de planeamento. Uma viagem bem planeada pode evitar problemas maiores. Assim, pense que vai correr tudo bem, mas previna-se se algo correr mal.

1. Se suspeitar de fraude com o seu cartão, se o perder ou se lho roubarem deve comunicar imediatamente ao seu banco. Tenha consigo o número para onde deve ligar nestas situações a reportar o sucedido.

2. Memorize o PIN do seu cartão.

3. Levante dinheiro em locais seguros, os aeroportos são locais privilegiados para o efeito. Aterre e faça os levantamentos de que necessita.

4. Avise o seu banco que vai viajar. Movimentos repentinos na sua conta podem levar a que o seu banco julgue que está a ser alvo de fraude e bloqueiem a sua conta.

Continua a questionar-se sobre como é melhor pagar no estrangeiro? Não há uma resposta ideal. Como terá percebido, há situações em que é melhor pagar com cartão de crédito, outras usando cartão de débito e outras ainda em que é preferível pagar com dinheiro.

TAGS:

COMENTÁRIOS

20185
22701
5
0