Cinco Questões Financeiras a Ter em Conta Antes de se Casar

Casar-se é uma decisão que não deve ser tomada de ânimo leve. Muito pelo contrário, antes de se casar existem vários aspetos que deve ter em conta. Afinal de contas, é algo que espera que vá durar toda a sua vida.

Publicado por Finanças | 1
De entre os principais assuntos, destacam-se as finanças do casal. Até ao casamento, está habituado a ter a sua independência financeira e a gerir o orçamento familiar em função dos seus objetivos. Mas ao começar uma vida a dois, as contas são diferentes e há várias questões financeiras a considerar.

Qual o melhor regime de bens para o seu casamento?

Antes de se casar, tem de acordar o regime de bens com a sua cara-metade. Se pelo menos um elemento do casal (ou ambos) for de nacionalidade portuguesa, a Lei prevê os seguintes regimes de bens: comunhão de adquiridos, comunhão geral, separação e outro que os nubentes convencionem.

Quem casa, quer casa

É melhor comprar ou arrendar casa? Em casal, avalie as vantagens e desvantagens de ambas as opções e escolha qual delas se adequa melhor a ambos. É importante tomar a decisão em conjunto com a sua alma gémea e fazer o melhor para ambos os elementos do casal.

Aumentar a sua família

Normalmente, o casal não pensa logo no custo de ter um filho antes de se casar. No entanto, se o casal decidir ter filhos, pode já começar a planear e a poupar. Assim, não será apanhado desprevenido.

Contas bancárias individuais ou conjuntas?

Deve conversar, em casal, sobre como irão gerir o orçamento familiar. Tem de ter em conta as despesas individuais e conjuntas que vão ter e os objetivos de ambos para o futuro. Para isso, é necessário discutir abertamente com a sua cara-metade os ordenados, poupanças e possíveis dívidas. Muitos casais optam por manter as suas contas individuais e abrir uma conta conjunta para as despesas do casal.

Gestão financeira a dois

Uma boa gestão financeira passa por conversar, em casal, sobre as despesas individuais e conjuntas. A transparência total acerca das finanças permitir-lhe-á ter mais intimidade com a sua cara-metade e ter um ambiente tranquilo em casa. Além disso, poupará mais facilmente, se souber em que gasta mais dinheiro. Hoje em dia, já não tem desculpa, pois existem várias aplicações de gestão financeira para o ajudar.

O casamento não é só feito de romantismo e momentos espontâneos. Também é essencial conversar sobre assuntos importantes, como o dinheiro. Se for honesto e conversar sempre sobre as finanças com a sua cara-metade, o vosso casamento estará no caminho certo.
TAGS:

COMENTÁRIOS

  • 1

    12/11/2017 17:58 HORAS

    Aqui está um bom artigo. É só segui-lo. Ajuda a facilitar a vida a dois. Sem dúvida, boa forma de gestão financeira.

20185
22701
5
0