5 milionários e uma grande ideia

Recentemente tem-se verificado um aumento de iniciativas de empreendedorismo, muitas destas baseadas em ideias inovadoras e de qualidade. No entanto nem todos os empreendedores conseguem o êxito do seu negócio.

Publicado por Finanças | 0
5 milionários e uma grande ideia

Duas características comuns a todas as 5 histórias que serão apresentadas de seguida são os negócios na área das novas tecnologias e a persistência dos seus protagonistas.

 

Google

O motor de busca mais usado mundialmente foi ideia de Larry Page e Sergey Brin. Os dois fundadores conheceram-se, em 1995, enquanto estudavam na Universidade de Stanford, Estados Unidos da América, e surgiram com a ideia de criar um motor de busca. Diferenciando-se dos motores de busca então existentes no mercado que apenas analisavam as palavras-chave em cada página presente na internet, o Google examinaria não só as palavras-chave como também o número e a relevância entre os links de cada página. A ideia evoluiu e, neste momento, a empresa fatura, só em vendas, dezenas de biliões de dólares.

Facebook

Enquanto estudante na Universidade de Harvard, Estados Unidos da América, Mark Zuckerberg criou um website chamado “Facemash”, que consistia na apresentação, lado a lado, de duas fotos de estudantes da Universidade e os visitantes do website escolheriam qual era o estudante bem-parecido. Este website serviu de base para o site “thefacebook.com”, que inicialmente consistia numa rede social apenas para estudantes universitários, mas que veio a tornar-se depois na maior rede social do mundo, conhecida apenas por “Facebook” e avaliada em centenas de biliões de dólares.

Bloomberg

Michael Bloomberg percebeu, enquanto trabalhava na bolsa de Wall Street, que as companhias financeiras estavam dispostas a pagar bastante dinheiro por informações fiáveis sobre negócios cujas ações estavam presentes na bolsa. Fundou a Bloomberg L.P., inicialmente comercializando estas informações através de terminais eletrónicos, desenvolvendo e disponibilizando também, mais tarde, software de ferramentas financeiras. Segundo dados de 2014, a Bloomberg L.P. registou vendas no valor de 9 biliões de dólares.

Amazon

Apesar de um emprego extremamente lucrativo na bolsa de Wall Street, Jeff Bezos decidiu arriscar e lançar, em 1994, uma livraria online, apostando no mercado de vendas na internet. Ao criar a Amazon, Jeff Bezos não imaginava que logo após o lançamento da sua loja, semana após semana, esta registaria vendas bastante superiores às previsões. Aproveitando todo este crescimento, a Amazon começou a comercializar uma enorme variedade de produtos, desde mobília, vinhos ou produtos eletrónicos. Atualmente, as vendas na Amazon rondam 80 milhões de dólares, contribuindo para que esta empresa esteja avaliada em centenas de milhões de dólares.

Alibaba

Com uma infância pobre, falhando, por duas vezes, nos exames de admissão à universidade e sendo rejeitado sucessivamente em empregos para os quais se candidatava, Jack Ma não desistiu e, na terceira tentativa de fundar uma empresa ligada à internet, fundou a Alibaba. A Alibaba permite que exportadores de produtos se registem no site onde os consumidores podem depois comprar-lhes diretamente. A empresa encontra-se, neste momento, avaliada em centenas de biliões de dólares.
TAGS:

COMENTÁRIOS

20185
22701
5
0